Acesse os dados do ecossistema mineiro de inovação

Acessar SIMI Database

InicialBlogNotíciasPlataforma proporciona venda d...

Plataforma proporciona venda de pratos caseiros produzidos por cozinheiros

LocalChef atua com pedidos por proximidade e é uma alternativa à comida industrial


Por Renato Carvalho/Simi

Qual é a melhor parte de comer em casa? O fato da comida ter sido feita em casa! Comer na rua é bom para sair da rotina, mudar o cardápio, mas o sabor nunca se compara com uma refeição feita com o amor caseiro.

Buscando solucionar esse impasse, a startup LocalChef oferece opções de comidas caseiras produzidas por pessoas que gostam de cozinhar (e fazem isso bem).

A proposta da startup é empoderar a dona de casa, o pequeno produtor e o pequeno restaurante. Além disso, pretende dar independência para o consumidor e também estimular o comércio local, já que os pedidos são feitos conforme a localização do cliente e proximidade do chef. “Percebemos um movimento de pessoas que estavam cansadas de pedir comida de restaurante e queríamos algo com gosto de comida de mãe”, explicou o co-fundador e diretor de crescimento, Celso Misaki.

Na plataforma, os cozinheiros pagam de 12% a 15% do valor dos pratos vendidos para ter exposição nas mídias digitais com posts direcionados. O delivery é parcialmente bancado pela LocalChef enquanto a outra parte é repassada ao cliente ao preço fixo de R$ 12,90. A startup faz uma “curadoria” dos pratos que serão disponibilizados. “Pesquisamos sobre os chefs interessados e, geralmente, pedimos algum prato para testar. Procuramos ajudar os chefs a criar um cardápio reduzido e bacana”, contou Misaki.

Cozinheiros disponibilizam suas produções na plataforma

No entanto, a LocalChef enfrenta barreiras. Para funcionar adequadamente, a startup precisa de uma empresa de logística que tenha um sistema de controle por geolocalização que se conecte à plataforma. Outro ponto é a necessidade de “orquestrar o balanceamento de bons chefs e consumidores”, revelou o diretor.

Lançada em maio de 2016, a empresa atua, por enquanto, apenas na grande São Paulo, mas já tem planos para expandir. “Há chefs interessantes em mais de 10 estados. Temos a intenção de chegar em Belo Horizonte no primeiro trimestre de 2017”, disse Misaki. Antes disso, a empresa quer deixar a operação mais eficiente e encontrar investidores.

Conheça a LocalChef.

Foto 1: Pixabay

Fonte:

Cesta De Compras