Acesse os dados do ecossistema mineiro de inovação

Acessar SIMI Database

InicialBlogNotíciasDispositivo eletrônico promete...

Dispositivo eletrônico promete corrigir execução de exercícios físicos

Desenvolvido em BH, cadencímetro pode ser utilizado em academias e clínicas de fisioterapia


Por Paula Isis/SIMI

No Brasil, 28,5% da população é praticante de atividades físicas, revela um estudo realizado pelo Ministério do Esporte (ME) em 2015. Desses, 5,1% praticam exercícios em academias. As atividades físicas promove a saúde e à elevação da qualidade de vida.

Em 2013, a startup Cadence lançou dispositivo homônimo que dita o ritmo e tempo correto para a execução dos exercício. A ideia do Cadence surgiu a partir de um problema que um dos cofundadores enfrentava, diariamente, ao se exercitar na academia. Durante a execução de um exercício físico, o praticante deve se concentrar na postura, respiração, no tempo de duração das fases e também no número de repetições.

Ter a atenção voltada para tantos fatores causa confusão, desconforto e aumenta a possibilidade de erro na execução dos exercícios. Dentre estes fatores, a contagem do tempo de duração das fases é o que mais contribui para a prática inadequada dos exercícios porque a percepção do tempo pelos indivíduos é diferente do tempo real medido por um cronômetro. Por isso, os praticantes de musculação não executam os exercícios na velocidade correta, limitando a eficácia dos resultados desejados, o que também pode aumentar o número de lesões.

O Cadence foi desenvolvido para auxiliar fisioterapeutas e educadores físicos. Como esses profissionais têm uma limitação no número de clientes que conseguem atender com qualidade simultaneamente, o Cadence ajuda a orientar essas pessoas a executarem os exercícios no ritmo correto dando a eles, maior autonomia e permitindo que a clínica, por exemplo, atenda mais pessoas ao mesmo tempo com maior qualidade, aumentando, assim, sua receita.

Além disso, o ritmo de execução dos exercícios é considerado o fator que mais compromete a eficácia dos resultados esperados com o tratamento pelos pacientes em recuperação. Com o Cadence, o paciente ou aluno só precisa seguir o movimento das luzes e pronto.

Quer saber mais sobre o Cadence? Confira o vídeo:

*Com informações do Minas Inova

Fonte:

Cesta De Compras